BOA ALIMENTAÇÃO DISPENSA SUPLEMENTOS - JULIO ABRAMCZYK

14/03/2019

Boa alimentação dispensa suplementos nutricionais

Consumo de vitaminas muitas vezes é incentivado aleatoriamente por propagandas

  • FONTE - FOLHA DE SP 

A alimentação inadequada da população é substituída com frequência por alimentos processados.

Também com frequência, incentivada pela propaganda, a população acredita que as vitaminas e suplementos nutricionais melhoram o raciocínio, deixam o coração mais saudável e fortalecem o sistema imunológico.

Para o médico Michael Incze, não há suporte para essas afirmações.

Na revista Jama Internal Medicine, Incze analisa suplementos nutricionais e vitaminas.

Alguns dos suplementos, diz ele, derivam de fontes naturais, como óleo de peixe, mas muitos são criados em laboratórios. Comercializados como suplementos alimentares, têm venda livre de controle, sem receita médica, e não recebem fiscalização laboratorial adequada pelos órgãos estatais de controle de medicamentos.

Incze afirma que para grande parte das pessoas não é necessário adicionar vitaminas à alimentação diária.

Uma dieta balanceada de frutas, vegetais, grãos, queijos, peixe, aves e carnes magras fornece todas as vitaminas e nutrientes necessários para o corpo humano.

E os nutrientes dos alimentos são melhor absorvidos pelo organismo do que os dos suplementos.

Eventualmente, os suplementos podem ser necessários, mas essa necessidade deve ser avaliada por um médico e por exames laboratoriais.

Julio Abramczyk

Médico, vencedor dos prêmios Esso (Informação Científica) e J. Reis de Divulgação Científica (CNPq).